portalpatos
publicidade
14/11/2017

Berg Lima não vai assumir cadeira de deputado na Assembleia Legislativa

Berg Lima declarou em documento ao presidente da ALPB impossibilidade em assumir o cargo de deputado estadual

O prefeito afastado da cidade de Bayeux, Berg Lima, encaminhou nesta terça-feira (14) um documento ao presidente da Assembleia Legislativa da Paraíba, Gervásio Maia, declarando impossibilidade em assumir o cargo de deputado estadual. No documento, Berg alega que não poderá assumir o cargo de deputado por ter sido eleito como prefeito.

O documento foi encaminhado ao ClickPB pela defesa de Berg Lima. A defesa ainda declarou que pretende provar no Judiciário a inocência de Berg. “Vamos provar no judiciário a inocência dele, sem gerar qualquer discussão sobre interferência entre poderes. Muito embora tenha ficado honrado com a vaga aberta e com os votos recebidos, ele tem o compromisso com o povo de Bayeux”, declarou o advogado Raoni Vita.

Berg Lima está preso desde o último dia 5 de julho, quando foi flagrado recebendo dinheiro de um fornecedor da prefeitura. O prefeito de Bayeux é o segundo suplente da coligação PSDC/SD/PRB/PMN/PTN/PPS/PT do B após ter recebido 11.775 votos nas Eleições de 2014.

Com o pedido de licença do deputado Genival Matias, Berg Lima seria o próximo na fila para assumir uma cadeira na Assembleia Legislativa da Paraíba.

No entanto, para que Berg pudesse assumir a cadeira de deputado estadual, ele teria que renunciar ao cargo de prefeito de Bayeux. Ele decidiu permanecer como prefeito e manifestou em documento que “tenho ainda fé na justiça divina e na justiça dos homens de que a ardilosa armação por meus adversários perpetrada contra mim e contra a população de Bayeux está prestes a ser elucidada”.

Confira o documento na íntegra:

 

Portalpatos

Fonte: Clickpb

portalpatos
Leia Também

Comentários


comercial
Panetone da parati 450g frutas cristalizadas
13R$,85
comercial
Panetone da parati 450g chocolate
13R$,85