portalpatos
publicidade
segunda-feira, 22 de janeiro de 2018

Banco de Leite prepara estoque para período de baixo índice de doações

Banco de Leite Zilda Arns possibilita a doação em domicílio

O Banco de Leite Zilda Arns, que funciona em anexo ao Instituto Cândida Vargas (ICV), prepara seu estoque para o período de baixo índice de doações. De acordo com a coordenadora do Banco de Leite, Daniele Maciel, após a campanha Agosto Dourado, há um aumento nas doações, mas nos meses de dezembro, janeiro e fevereiro, normalmente há redução.

“O leite materno é pasteurizado no próprio Banco de Leite e pode ser consumido em até seis meses, portanto, conseguimos equilibrar nosso estoque. São feitas várias avaliações no material coletado, como calorias, acidez ou presença de micro-organismos. Os testes são feitos durante 48 horas após a pasteurização. Se estiver tudo adequado, o leite é destinado ao consumo”, explica Daniele Maciel.

O leite é consumido pelos bebês nascidos prematuros no ICV. Conforme a gestora, o ideal é que a mãe colete o próprio leite ao seu filho. “O organismo do bebê identifica o leite da mãe, que é o alimento mais completo, devido aos nutrientes, proteínas e sais minerais. Neste caso, o bebê se alimenta do leite cru, sem pasteurização, através de uma sonda, porque ainda não consegue sugar do peito”, afirma a coordenadora.

Daniele Maciel destaca que, quando o bebê não mama, pode ocorrer de o leite da mãe secar, sendo útil o estoque do Banco de Leite. Neste caso, é usado o leite pasteurizado. O bebê recém-nascido necessita ser alimentado a cada três horas, e a quantidade varia de 10 ml a 50 ml, dependendo da idade. Normalmente, há uma média de 40 bebês no ICV que são beneficiados com as doações.

A secretaria de Saúde realiza um trabalho contínuo pela captação de doações, começando a conscientização ainda no pré-natal das futuras mães. Já no ICV, são feitas palestras sobre os benefícios do leite materno e a importância da doação.

Como doar – O Banco de Leite Zilda Arns possibilita a doação em domicílio. Para participar, basta ligar para o telefone 3015 1555 e fazer o cadastro. A doadora receberá em casa um kit com os recipientes de vidro e tampa de plástico esterilizados, máscara e gorro, para coletar o leite. Além de João Pessoa, a rota domiciliar abrange as cidades de Bayeux, Santa Rita e Cabedelo.

O Banco de Leite possui um posto de coleta no ICV, com atendimento das 8h às 17h, de segunda à sexta-feira. No local, são disponibilizadas informações sobre os procedimentos de doação. Para ser doadora, a mulher não pode ter doença infectocontagiosa, como Aids, sífilis e hepatites, entre outras, nem ter tomado medicamento de uso contínuo, como psicotrópicos.

Portalpatos

Fonte: Wscom

portalpatos
Leia Também

Comentários