portalpatos
publicidade
segunda-feira, 22 de outubro de 2018
ULTIMASNOTICIAS - 21/12/2017

‘Foi sem querer’, diz vereador que postou vídeo se masturbando em escola pública na Paraíba

Um vídeo que ficou publicado por cerca de duas horas na página oficial do Facebook de um vereador da Paraíba viralizou na internet nesta semana. Nas imagens, Sebastião da Costa Silva (PSB), conhecido como Basto Militão, de 47 anos, aparece se masturbando dentro de uma escola pública.

Hoje, Basto Militão é coordenador do programa estadual de distribuição de leite no município de Montadas. O vídeo foi gravado em um dos banheiros da Escola Estadual Maria José de Souza, local onde também acontece a distribuição dos alimentos.

À imprensa, o vereador de Montadas chegou a admitir que era ele mesmo se masturbando nas imagens, mas garantiu que estava sozinho no local. Em sua defesa, ele disse que, pela falta de habilidade com a internet, acabou publicando o vídeo por engano.

“Publiquei sem querer. Só vim saber da besteira que fiz depois de algumas horas quando amigos me informaram” declarou.

No vídeo, que tem menos de 30 segundos, o parlamentar chega a ejacular . Ele garante que as imagens não foram gravadas para serem enviadas a ninguém e que não tinha a intenção de se prejudicar publicando as imagens.

Em entrevista à Rádio Correio FM , o vereador chegou a pedir que “atire a primeira pedra quem nunca errou”.

“Errar é humano. A internet é um meio de comunicação, mas nem todo mundo tem controle. Não tive a intenção de prejudicar a minha própria pessoa, ainda mais sendo vereador. Isso é coisa que acontece. Atire a primeira pedra quem nunca errou”, disse.

Pedido de cassação

Em reação ao vídeo publicado no Facebook nesta terça-feira (19), o presidente da Câmara de Vereadores de Montadas, Cássio Avelino (PSD), afirmou, nesta quarta-feira (20), que já foi feito um pedido de cassação do mandato do vereador paraibano.

Na mesma entrevista à rádio local, Basto Militão afirmou que não teme a cassação , pois “não cabe” ao caso. “Estou tranquilo, continuo trabalhando e não temo cassação, não cabe cassação e não vou mais me pronunciar, já expliquei o que tinha que explicar à imprensa”, desabafou.

Portalpatos

Fonte: IG

portalpatos
Leia Também

Comentários