portalpatos
publicidade
terça-feira, 20 de novembro de 2018
POLITICA - 10/10/2018

Para onde marchará o prefeito Luciano Cartaxo após o revés nas urnas?

A indagação que se faz quando começa a assentar a poeira das urnas de domingo é: para onde vai o prefeito Luciano Cartaxo, após o revés eleitoral? Caminhará para uma composição com o governador eleito João Azevedo, ou tentará se consolidar como o líder da oposição? A indagação é pertinente, ante o cenário de que o principal contraponto de oposição no Estado, o senador Cássio Cunha Lima, não conseguiu se reeleger.

É preciso observar também como ficará o clã Ribeiro que, em princípio, deverá se inclinar pela oposição, diante do antagonismo construído durante a campanha com o senador eleito Veneziano Vital do Rego, que projeta, inclusive, disputa pela prefeitura de Campina Grande, em 2020. Veneziano, como se sabe, representa na cidade o esquema do PSB, liderado por Ricardo Coutinho e o governador João Azevedo.

Pelo menos em tese, a junção dessas forças, como Cartaxo e Ribeiro, com outras que saíram mais avariadas das urnas, parece ser o caminho mais lógico. Mas, a verdade é que na política da Paraíba nem sempre dá o mais lógico. De qualquer forma, é importante ficar atendo para onde marchará Luciano Cartaxo que, aliás, terá apenas dois anos para consolidar um candidato competitivo como sucessor para as urnas de 2020.

Alguns nomes especulados seriam os de Diego Tavares, eleito suplente de senador (com Daniella Ribeiro) e o vereador @MarcosVinicius_n, mas é possível que o prefeito esteja também avaliando outros quadros. Não será uma eleição fácil, especialmente se Ricardo Coutinho sobreviver à travessia jurídica que irá enfrentar daqui pra frente, e resolver ser o candidato.

Portalpatos

Fonte: Blog Helder Moura

portalpatos
Leia Também

Comentários